Ih, choveu... Parte 2 para motoristas




O crescimento exacerbado das cidades em busca do desenvolvimento econômico é algo presente na nossa rotina e somos obrigados a conviver com várias obras de empreendimentos comerciais públicos e privados que na maioria das vezes não planejam como será a infraestrutura do seu tráfego, ou seja, obras são planejadas, mas o seu redor não é pensando, como se chega, como se sai, como será o trânsito para pedestres, para motoristas e para comunidade em geral.


O trânsito acaba sendo o mais prejudicado pelo aumento dos meios urbanos, pois o lugar se fazer mais importante do que o caminho que não é levado em consideração, o trânsito não significa só como as pessoas chegaram a determinados lugares, mas sim como as pessoas transitam para chegar a algum destino.


Pensar que canais, encostas, bueiros, podas de árvores precisam ter manutenção durante o ano todo para evitar alagamentos, incidentes e vários transtornos no período de chuva.

Todos tem responsabilidade no trânsito, o poder público, privado e a comunidade quando cada um faz a sua parte com responsabilidade transtornos e incidentes não só no período chuvoso são evitados.

Vamos trabalhar com prevenção que as coisas funcionam.


Veja algumas dicas que fiz pensando em motoristas em dia de chuva.


  • Tente não molhar os pedestres


Antes de qualquer coisa entenda que você é um pedestre, caminhante, bípede e humano, então tente ao máximo não molhar as pessoas na rua, não só pela multa, pois de acordo com o artigo 171 do Código de Trânsito Brasileiro, o condutor que for pego usando o carro para jogar água no pedestre ou outro carro, será multado e ainda poderá ter que dar explicações à polícia, mas por bom senso mesmo, seja empático, se coloque no lugar de quem precisa andar na rua e pense que poderia ser você, ok?


  • Cuidados com o carro


Como em qualquer outra situação revisar o carro é necessário, veja os níveis de água, gasolina, calibragem e condições dos pneus, pois ninguém quer ficar parado na rua, por causa de alguma pane ou por ter faltado a manutenção de algum desses itens e se algum desses não tiver em dia, reveja sua saída de carro em especial nesse dia de chuva, busque um táxi ou uma possível carona, só não se exponha ao perigo de sair de casa com o seu veículo sem condições de te transportar com segurança, seja prudente por você e pelo trânsito.


  • Planeje seu roteiro

Morando numa cidade sem estrutura viária de tráfego fica até difícil indicar qual seria a o melhor caminho para se tomar num dia de chuva, mas mesmo assim, falo para os motoristas amadores e profissionais que não podem se ausentar em dias de chuvas de suas atividades, aviso a todos que planejem seu itinerário, motoristas sabem quais os caminhos que são desfavoráveis, os que alagam e criam poças e tudo mais, por isso, tente evitar esses lugares por questão de segurança, se uma rua alagou não é você que vai conseguir atravessar de carro, moto ou ônibus, talvez só de banco.


E mantenha a calma, atenção na velocidade, cuidado com a baixa visibilidade, faróis ligados, veja bem onde parar e estacionar para evitar estresse na hora da saída e volta para sua casa, muito cuidado.


Ofereça carona, seja solidário, amanhã pode ser você que precise. Essas são algumas pequenas dicas que funcionam para minha pessoa em dias de chuva e pode servir pra você também!


Dica de Música:


Biquíni Cavadão - Chove chuva




Dica de Filme:


Cantando na chuva (1952)






Textos em destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts recentes